Desejos

Desejo a vocês…
Rir como criança
Ouvir a chuva no telhado
Namoro no portão
Ter um ombro sempre amigo
Esperar alguém na estação
Ter fé em Deus
Escrever um poema de Amor
Que nunca será rasgado

Lira Itabirana por Carlos Drummond de Andrade

O Bardo de Itabira, como era chamado o poeta mineiro Carlos Drummond de Andrade, nasceu no século 20. Ao longo de seus 85 anos publicou mais de 30 livros de poemas, e quase 20 de prosa, além de integrar antologias poéticas e produzir histórias infantis, entre tanta inspiração, em 1984 compôs e publicou o poema ‘Lira Itabirana’.